Jardim

Muitos jardineiros sazonais cultivam mudas de tomate incorretamente: lembre-se destes erros importantes

66views

O tomate é um dos vegetais mais populares nos jardins de todo o mundo. Quer os cultive pela sua suculência, que anima qualquer salada de verão, ou pelo seu rico sabor, que se destaca nos molhos caseiros, os tomates são uma verdadeira alegria para qualquer jardineiro.

Confira o vídeo do YT da Geeky Greenhouse – 7 erros a evitar ao cultivar tomates

Fonte: Youtube

Luz insuficiente

Mudas de tomate precisam de luz suficiente para um crescimento saudável. Muitos jardineiros começam a cultivar suas mudas dentro de casa ou em estufas, onde podem não ter luz natural suficiente. Quando as mudas não recebem pelo menos 6 a 8 horas de luz solar direta por dia, elas podem começar a crescer fracamente e tendem a se esticar em vez de engrossar.

Certifique-se de que suas mudas recebam luz suficiente. Se você estiver cultivando mudas dentro de casa, coloque-as perto de uma janela voltada para o sul ou use luz de planta de boa qualidade. Certifique-se de que a luz esteja próxima o suficiente acima das mudas, de preferência apenas alguns centímetros acima do topo das plantas.

Transborde

Outro erro comum é regar demais as mudas. Os tomates preferem solo úmido, mas bem drenado. Solo muito úmido pode causar apodrecimento das raízes e outros problemas, como infecções fúngicas.

Regue as mudas com cuidado. O solo deve estar úmido, mas nunca molhado. É melhor regar as plantas por baixo, por exemplo, com um pires. Isto irá encorajar as raízes a crescerem para baixo, ao mesmo tempo que reduz o risco de doenças foliares que podem ocorrer quando se rega de cima.

Nutrição inadequada ou excessiva

Mudas de tomate precisam da quantidade certa de nutrientes para um crescimento ideal, mas o excesso ou a deficiência podem ser prejudiciais. Por exemplo, muito nitrogênio pode levar a folhas verdes e exuberantes em detrimento da formação de frutos.

Use um fertilizante balanceado especialmente formulado para o cultivo de tomates. Aplique o fertilizante conforme recomendação do fabricante e observe a reação das mudas. Se parecerem fracos ou tiverem folhas claras, isso pode ser um sinal de deficiência de nutrientes.

Desistir mais cedo

Plantar mudas ao ar livre muito cedo é um erro comum que pode causar danos ou morte às plantas devido a geadas repentinas ou baixas temperaturas.

Antes de plantar as mudas no exterior, é importante que estejam devidamente endurecidas. Comece expondo gradativamente as mudas ao ar livre, a princípio por curtos períodos, e aumente gradativamente o tempo que passam ao ar livre. Certifique-se de que o perigo de geada tenha passado antes de mover as mudas para fora permanentemente.

Prevenção insuficiente contra pragas e doenças

Os tomates são suscetíveis a uma série de pragas e doenças. Ignorar as medidas preventivas pode levar à propagação de organismos prejudiciais, que podem destruir toda a cultura.

Verifique regularmente as mudas em busca de pragas e sinais de doenças. Use pesticidas e fungicidas orgânicos quando necessário e sempre busque um ambiente saudável e equilibrado que limite naturalmente as pragas e doenças. A rotação de culturas e a remoção de plantas infectadas também auxiliam na prevenção.

O cultivo de tomates pode ser muito gratificante se você evitar erros básicos no cuidado com as mudas. Com o conhecimento certo e um pouco de cuidado, você poderá cultivar plantas saudáveis ​​que lhe proporcionarão uma colheita abundante de tomates saborosos. Lembre-se de que cada planta é única e o que funciona para uma pode não funcionar necessariamente para todas.

Artigos relacionados

Fonte: tomatefest.com

Leave a Response

Fernando Pessoa
Nos meus artigos, partilho dicas úteis sobre jardinagem e culinária em português. Conheça as minhas ideias únicas para melhorar o seu jardim e preparar pratos deliciosos.