Jardim

Dente-de-leão na trama: como se livrar e se beneficiar da erva daninha

73views

Dentes-de-leão em pequenas quantidades podem servir de decoração para uma casa de verão. Porém, quando há muitas plantas, isso pode ser um problema.

Portanto, é necessário saber como retirar a planta corretamente e onde a erva pode ser utilizada.

Um especialista da publicação online BelNovosti, agrônomo e paisagista, contou como se livrar dos dentes-de-leão.

Danos dos dentes-de-leão

Apesar de o dente-de-leão ser pequeno, a planta pode destruir a colheita.

Os danos da planta podem ser os seguintes:

• a raiz da planta é muito desenvolvida, portanto, apesar do pequeno tamanho do arbusto, o dente-de-leão pode suprimir outras culturas e se espalhar por longas distâncias;
• a planta se reproduz rapidamente. As sementes são dispersadas pelo vento por longas distâncias. Portanto, se a erva daninha não for eliminada em tempo hábil, a planta ocupará toda a área;
• a planta consome muitos nutrientes necessários ao desenvolvimento de outras culturas.

Por isso, com o aparecimento dos primeiros dentes-de-leão, os veranistas procuram tomar todas as medidas necessárias para evitar o crescimento da erva daninha.

Maneiras de controlar ervas daninhas

O dente-de-leão, apesar do seu pequeno tamanho, possui raízes bem desenvolvidas. Portanto, para eliminar uma planta não basta arrancá-la do solo. Para combater um grande número de dentes-de-leão, os seguintes métodos são frequentemente usados.

Escavação

É necessário remover as ervas daninhas antes que a planta comece a florescer. Usando uma pá, você remove a erva junto com a raiz.

Os residentes de verão muitas vezes eliminam a planta, mas, como mostra a prática, tais ações são ineficazes. Se a planta aparecer no canteiro e for difícil desenterrá-la, é recomendável usar um removedor de raízes.

Sal e vinagre

Para grandes quantidades de ervas daninhas, você pode usar o método popular, que tem se mostrado repetidamente eficaz no controle de ervas daninhas.

Os arbustos devem ser polvilhados com sal. A planta gradualmente começará a amarelar e morrer. Um método mais eficaz é borrifar vinagre. O produto é colocado em um borrifador e borrifado na planta. O efeito é perceptível em um dia.

Cubra com agrofibra

O dente-de-leão não pode se desenvolver normalmente sem luz solar. Portanto, a agrofibra é frequentemente utilizada no combate a pragas.

O material deve ser coberto com material e deixado por 10 dias. A cor preta impede a penetração dos raios e a planta morre naturalmente.

Água fervente

Utilizado quando é necessário retirar um pequeno número de plantas. Água fervida é derramada nos arbustos.

Para remover completamente as plantas, 1-3 regas são suficientes.

Propriedades úteis do dente-de-leão para o jardim

O dente-de-leão pode ser usado como fertilizante para o jardim. A planta contém substâncias úteis como nitrogênio, potássio, manganês.

Portanto, os jardineiros costumam desenterrar arbustos jovens e usá-los para preparar fertilizante verde.

Para fazer essa fertilização em casa, você precisa seguir o seguinte algoritmo:

• enxaguar abundantemente com água as plantas desenterradas juntamente com as raízes;
• pique com uma faca e coloque em um recipiente fundo;
• despeje água na proporção de 1 kg de grama e 2 litros de água;
• deixar repousar 2-3 dias até que ocorra o processo de fermentação.

Você pode usar fertilizante verde para as plantações do jardim. O fertilizante é aplicado na área da raiz. Antes de aplicar fertilizante verde, o solo deve ser bem regado com água morna.

O dente-de-leão é uma planta visualmente atraente. No entanto, em grandes quantidades, o dente-de-leão atua como erva daninha em uma casa de verão.

Para combater isto, devem ser tomadas medidas urgentes. Caso contrário, a planta cresce muito rapidamente e pode prejudicar a colheita.

Anteriormente, dissemos como escolher.

Leave a Response

Fernando Pessoa
Nos meus artigos, partilho dicas úteis sobre jardinagem e culinária em português. Conheça as minhas ideias únicas para melhorar o seu jardim e preparar pratos deliciosos.