Cozinha

A história do atum em lata, uma invenção dos sicilianos

43views

Atum em lata, uma brilhante invenção dos sicilianos que, há anos, é servido nas mesas italianas, tanto ao almoço como ao jantar.

Quantas vezes você confiou em um lata de atum preparar uma refeição rápida e saborosa, tanto no almoço quanto no jantar? Talvez você não saiba o que está por trás desta solução prática salve o almoço e salve o jantar, conta-se a história de uma das famílias sicilianas mais influentes do final do século XIX. Vamos descobrir juntos a história e algumas curiosidades sobre o atum em conserva.

Atum em lata, uma invenção siciliana

Como muitos de vocês sabem, o atum é enlatado Atua como um produto muito versátil na cozinha, podendo ser consumido sem cozinhar e também diretamente na embalagem que o contém.

É um dos alimentos levados à mesa, tanto no almoço quanto no jantar, pois é muito prático, até para complementar outros pratos: enfim, funciona como um verdadeiro curinga na despensa, útil também para preparar jantares improvisados.

A criação de conservas de atum deve-se Família Flórioformada por empresários de origem calabresa, mas profundamente ligados à Sicília, que, no final do século XIX, introduziram as conservas de atum que funcionaram essencialmente como uma verdadeira revolução no mercado alimentar.

Uma comida apreciada desde a antiguidade

O atum é, afinal, uma dádiva preciosa do mar, consumido pelo homem desde a antiguidade, sujeito a métodos de conservação específicos, ainda que a versão em lata representasse uma invenção muito engenhosa.

A técnica de preservação em azeite extra virgem já era conhecido, mas o maior desafio, nesse sentido, era encontrar um recipiente que preservasse a qualidade do . Só então os Florios entraram em cena e encontraram uma forma de armazenar e transportar o atum.

Os Florios, também citados na série de televisão “Os Leões da Sicília” e no romance homônimo de Stefania Auci, desempenharam um papel muito importante na história econômica e cultural da Sicília durante quase um século e meio, pois inovaram o setor do atum e outros também.

A invenção de lata para o atum foi o resultado da colaboração entre Dom Vincenzo Florio e seu filho Inácioque, inspirado nas técnicas de Nicolas Appert e Bryan Donkin, aperfeiçoou um método de esterilização de latas para conservar atum. Apresentada oficialmente na Exposição Universal de 1891-92, esta invenção abriu caminho para o sucesso do produto enlatado.

Os benefícios do atum enlatado

Esse produto traz muitos benefícios para o nosso corpo, pois possui muitos proteínas e ômega-3 em quantidades maiores do que outros produtos armazenados de forma diferente.

Além disso, esse produto é rico em Aminoácidos essenciais, iodo, selênio e micronutrientes, que são bons para a tireóide, circulação, coração e mente. Por último, com o atum em lata podemos preparar saladas, massas e almôndegas de atum, mas também omeletes e bolos de carne.

Leave a Response

Fernando Pessoa
Nos meus artigos, partilho dicas úteis sobre jardinagem e culinária em português. Conheça as minhas ideias únicas para melhorar o seu jardim e preparar pratos deliciosos.